Mercado Livre irá prorrogar pagamento das parcelas dos contratos de crédito

Empresa não cobrará taxas de juros ou multas das parcelas que vencerem no mês de março. A medida beneficiará milhares de clientes no Brasil que utilizam a plataforma Mercado Crédito para financiar suas compras no Mercado Livre.

“Juntos. De mãos dadas, ou não. Para dias melhores chegarem o quanto antes”

Para reduzir os impactos da pandemia do vírus COVID-19 na renda de seus clientes, o Mercado Livre anuncia que prorrogará o pagamento das parcelas dos contratos de crédito que vencem em março. Os usuários receberão uma comunicação com as novas regras.

“Considerando os desafios econômicos que o momento impõe a todos, o Mercado Livre segue junto de seus clientes, apoiando e transmitindo tranquilidade àqueles que estão em dificuldade. Nosso principal objetivo é acompanhá-los e oferecer alternativas que os auxiliem neste momento de impacto direto na renda das famílias”, afirma Pedro de Paula, diretor do Mercado Crédito no Brasil.

O benefício será concedido aos usuários que estão com os pagamentos em dia, e será aplicado sobre as parcelas que vencem em março e que ainda não foram pagas. Os clientes que já pagaram as parcelas de março terão o benefício estendido para as próximas parcelas com vencimento em abril.

Por fim, o Mercado Livre continua oferecendo a modalidade de parcelamento de compras com Mercado Crédito, que dispensa o uso do cartão de crédito. O boleto parcelado digital contribui para a inclusão financeira de todos aqueles que não possuem conta bancária e precisam fazer compras online.

Diante da necessidade de permanecer em nossas casas, é importante reforçar que os clientes têm à disposição canais online para realizar o pagamento das parcelas:

  • Pagamento do boleto por meio de internet banking ou de aplicativos de pagamento;
  • Pagamento do boleto com o saldo da conta Mercado Pago (para colocar dinheiro na conta, basta fazer uma transferência eletrônica ou TED).
Ainda não faz parte do Mercado Livre? Cadastre-se!