La Casa de Papel: o que todo fã tem que ter?

A série “não falada em inglês” mais assistida da Netflix conta com uma extensa lista de produtos para fã nenhum botar defeito. Se você curte “La Casa de Papel”, saiba o que não pode faltar na sua coleção!

Lançada em dezembro de 2017, no canal de TV espanhol Antena 3, La Casa de Papel ganhou o coração dos brasileiros apaixonados por séries ao ser exibida pela Netflix. Contando a história de um assalto fictício à Casa da Moeda da Espanha, a produção coleciona espectadores e produtos que fazem a cabeça dos fãs.

Com o anúncio da terceira temporada, a busca por itens relacionados à série – moletons, fantasias, camisetas e a famosa máscara com o rosto do pintor Salvador Dalí -, disparou no Mercado Livre, crescendo 17 vezes nos últimos três meses.

Se você é fã da série e quer mostrar pra todo mundo, saiba quais os produtos não podem faltar na sua coleção.

La Casa de Papel: o que todo fã tem que ter?

Do macacão vermelho à uma caneca com frases icônicas da produção. Todo mundo gosta de ter algum (ou alguns) artigos que mostram o quanto você é apaixonado por uma série. Com “La Casa de Papel” não é diferente. Pensando nisso, montamos uma lista com os itens mais buscados pelos fãs. Confira!

A fantasia

Desde o Carnaval, o rosto do pintor catalão, Salvador Dalí, ganhou espaço nas ruas e festas de todo o Brasil. Afinal, ele é o “rosto” emprestado aos assaltantes da série. A máscara pode ser comprada sozinha e usada como item de decoração. Outra opção é compor um look completo inspirado nos personagens quando combinada a um macacão vermelho.

Moletons

Para não precisar desgrudar dos seus personagens preferidos nem na hora do frio, a dica é investir em um dos modelos de moletons de “La Casa de Papel”. Em tons como vermelho, preto e branco, eles combinam com um visual mais casual.

Com uma calça jeans é uma ótima pedida para um passeio informal com os amigos no fim de semana. Mas, se preferir combinar com uma calça de tecido leve e largo, pode compor um look confortável para se exercitar.

La Casa de Papel_moletom

Aproveite que o frio está chegando e encontre um moletom com estampas da série.

Camisetas

Se você tem um estilo mais discreto, pode optar por modelos que exibem apenas a marca da série. Porém, se você quer aproveitar o look para mandar um recado, aproveite as opções com expressões ditas pelos personagens, como “Empieza el Matriarcado”. Com tantas frases marcantes fica difícil escolher apenas uma estampa para desfilar por aí.

Canecas

Que tal tomar café da manhã com os personagens da série? Se você é fã de “La Casa de Papel”, aproveite para incrementar sua mesa do trabalho ou aumentar a coleção de canecas com os modelos super estilosos estampados com a máscara do Dalí ou com frases ditas pelos protagonistas.

La Casa de Papel_caneca

Encontre uma caneca que é a sua cara no Mercado Livre

Capinha de celular

Para quem não quer desgrudar dos personagens nem um minuto, as capinhas de celular são uma excelente pedida. Com diversas opções de cores e estampas, elas dão personalidade aos smartphones. Além de proteger os aparelhos, os modelos estampados são muito divertidos. Uma ideia é variar os desenhos e frases de acordo com o seu humor.

 

La Casa de Papel_capinha de celular

Veja uma seleção de capinhas de celular com os personagens da série

Aproveite a variedade de itens com os personagens da série para iniciar uma coleção temática.

Mas por que “La Casa de Papel” faz tanto sucesso?

Com o título de “a série não falada em inglês mais vista da Netflix”, a produção conquistou uma legião de fãs a cada novo episódio e surpreendeu até mesmo os seus criadores. Mas o que há de tão especial na série para prender a atenção de tantas pessoas?

  • Identificação com o contexto: a história clássica de um “roubo perfeito” narrada a partir do ponto de vista dos ladrões traz nuances sócio-políticas para as discussões em torno da série, fazendo o espectador se identificar com peculiaridades do assalto e encontrar semelhança com o contexto de seus países. A empatia é tanta que, muitas vezes, você se pega torcendo pelos “bandidos”.
  • Personagens cativantes: embora sejam pessoas que agem fora da lei, o desenvolvimento das narrativas em torno dos protagonistas revelam detalhes capazes de fazer o espectador se encantar pela história e personalidade dos assaltantes.
  • Narrativa de cinema: mesmo dividida em 15 capítulos distribuídos em duas temporadas, o roteiro é tão bem conduzido que a produção pode ser comparada a um filme que mantém permanentemente a tensão, intriga, suspense e momentos de romance na medida certa. Isso sem mencionar a qualidade técnica da produção quando pensamos em ângulos de câmera, iluminação etc.
  • Nova maneira de consumir conteúdo: mesmo com tantas qualidades técnicas, “La Casa de Papel” não fez sucesso quando exibida na TV aberta, porque, ainda que acidentalmente, o ritmo da série – uma narrativa “em tempo real” – se encaixa perfeitamente a nova forma de consumir ficção da população: através do streaming, sem interrupções (intervalos comerciais).

Se você já assistiu a todos os episódios disponíveis, precisará esperar até 2019 para reencontrar Tóquio, Helsinque, Oslo, Berlim, Nairóbi, Moscou, Denver e o Professor. Até lá, aproveite para decorar “Bella Ciao”.

Ainda não faz parte do Mercado Livre? Cadastre-se!