A nova relação entre preço e qualidade

Empresas apostam em novos diferenciais para atrair a atenção dos consumidores.

Preço e qualidade são dois fatores que influenciam diretamente na tomada de decisão dos clientes. Saber trabalhar esse dois elementos pode ser um grande diferencial frente à concorrência.

Historicamente, a qualidade sempre teve um papel significativo na decisão de compra de itens caros ou que afetam o bem-estar da família, enquanto as compras de rotina são baseadas tipicamente em preço e conveniência.

Entretanto, o mercado em geral tem avançado em relação a isso. Custo baixo não significa qualidade inferior, pois pode ser o resultado de operações enxutas e bem executadas. Ao mesmo tempo, soluções facilitadoras, nas quais empregam comodidades, têm sido bem recepcionadas pelo público, mesmo que estas resultem em custos mais elevados.

A era da economia compartilhada

Entender as necessidades e o interesse do cliente é a chave para acertar essa equação. Às vezes a percepção de valor não está em um material mais sofisticado contido no produto, mas em uma facilidade ou em algum benefício no seu uso.

O Uber, por exemplo, impactou profundamente os serviços de mobilidade ao oferecer para o cliente uma ampla frota de motoristas, explorando a oferta disponível de motoristas domésticos. Além disso, a possibilidade de pagamento não envolvendo dinheiro físico e a forma de precificar a corrida, permitindo um valor competitivo, também foram mecanismos que impulsionaram a adesão dos usuários.

Já a Contabilizei, escritório de contabilidade digital, desenvolveu uma tecnologia que permite micro e pequenas empresas gerenciarem serviços de contabilidade por meio de uma experiência facilitada, possibilitando ao empreendedor resolver essas questões burocráticas a um custo bastante atraente. Também no ramo financeiro, tem o caso da startup brasileira, Nubank, que, entre outros recursos, facilitou a maneira como seus clientes acompanham os gastos no cartão de crédito, oferecendo maior transparência.

Qualidade e preço continuam sendo fundamentais, mas é importante construir uma relação entre esses itens baseada naquilo que o cliente enxerga como valor.

Ainda não faz parte do Mercado Livre? Cadastre-se!