Como se preparar para a chegada de gêmeos

Receber a notícia que está esperando gêmeos é muito impactante, mas como muita informação e preparo fica mais fácil de lidar com a fase que está por vir.

A gravidez é um momento especial e acompanhado de muitas mudanças na vida dos pais. Agora imagina como as mudanças se intensificam com a chegada de dois ou mais bebês ao mesmo tempo? Por isso, se preparar para a chegada de gêmeos é muito importante para conseguir lidar com os desafios que irão surgir da melhor forma possível.

As mamães que recebem essa notícia costumam levar um susto inicialmente, mas, depois de passar o primeiro impacto, é hora de buscar informações e curtir a gravidez. Para isso, é fundamental preparar a mente e ter muita energia, afinal, o cuidado será em dobro, mas as felicidades também.

Depois de digerir a novidade, chegou a hora de entender melhor o que está acontecendo com o corpo e saber como cuidar dos bebês. A principal dica é conversar muito com um médico de confiança. Além de ler muito e manter contato com outras pessoas que também tiveram gêmeos.

Durante essa fase, é possível que você perca muitos dos medos iniciais e desmistifique alguns mitos sobre a maternidade. Por outro lado, passará a entender quais são as reais necessidades de uma mulher durante a gravidez e quais as prioridades daqui para frente.

As principais dúvidas que costumam surgir entre pais de gêmeos giram em torno da possibilidade de ter crianças idênticas, os riscos para a saúde da mulher, os tipos de parto e como cuidar das crianças na rotina de casa.

É absolutamente normal ter uma lista de perguntas, por isso, reunimos algumas informações para poder te ajudar nesse momento.

Saiba como se preparar para a chegada de gêmeos

Cuidados com a gravidez

Apesar da gravidez de gêmeos ser delicada, é importante frisar que nem tudo será em dobro. É normal enjoar mais e sentir desconforto por conta do aumento do útero, porém, a alimentação não deve ser dobrada.

Por outro lado, os cuidados com a saúde devem dobrar, pois a mulher tem mais chances de ter diabetes e pressão alta por estar passando por uma gravidez considerada de risco. Contar com o acompanhamento médico durante todas as etapas da gestação é fundamental.

Importância do pré-natal

O pré-natal é um acompanhamento médico que toda mulher deve ter logo que descobrir a gravidez, ou até mesmo quando sente o desejo de engravidar. É importante para garantir a saúde tanto da mãe, quanto do bebê.

Existem diversos exames, como ultrassom transvaginal e medida do colo do útero, que são capazes de observar de perto a gestação e diagnosticar problemas antecipadamente, sendo que alguns deles podem ser resolvidos quando os bebês ainda estão na barriga.

O primeiro passo para identificar os cuidados necessários é saber se os gêmeos estão sendo gerados na mesma placenta, pois, nesse caso, pode acontecer de um dos bebês consumir mas sangue e vitaminas do que o outro, fazendo com que um bebê cresça mais. Esse é um dos exemplos de problema que podem ser resolvidos durante a gestação.

Livros para se preparar

É normal que as mamães busquem por livros para entender melhor sobre a gestação e criação dos filhos, mas a mãe de gêmeos pode procurar por títulos específicos que tratam sobre o tema.

  • “Criando filhos gêmeos”, de Patricia Maxwell: escrito com base em duas décadas de pesquisa sobre as questões enfrentadas por pais de filhos gêmeos. O mais legal deste livro é que ele desmistifica muitas ideias e mostra ferramentas necessárias para lidar com essa experiência. A autora é mãe de quatro filhos, sendo dois deles gêmeos. É fundadora da consultoria americana Twin Services, que orienta pais de múltiplos.
  • “Gêmeos e múltiplos: tudo o que os pais precisam saber”, escrito por Claudio Schvartsman: fala sobre todas as fases que os pais irão passar daqui para frente: gravidez, organização física, emocional, logística e social, parto, amamentação, desenvolvimento, educação, rotina e adversidades.
  • “Criando gêmeos e múltiplos em idade escolar: os desafios e as recompensas de educar gêmeos e múltiplos”, de Christina Tinglof: mostra os desafios que irá enfrentar quando as crianças crescerem e entrarem em idade escolar. Revela como, apesar de terem a mesma criação, cada criança tem seu próprio comportamento e dá dicas de como lidar com seres tão diferentes e parecidos ao mesmo tempo.

gemeos_livres

Compre agora o livro “Criando filhos gêmeos”

Planejamento financeiro

Ter um filho afeta diretamente no planejamento financeiro de uma família. Quando se recebe a notícia de que a gravidez é gemelar, o cuidado com as finanças também sofre alterações.

Porém, ao contrário do que se pensa, não é necessário comprar tudo em dobro para se preparar para a chegada de gêmeos. É importante saber que os bebês não precisam fazer tudo ao mesmo tempo, como tomar banho, por exemplo.

Os gastos do dia a dia, como alimentação, serão maiores. Para economizar nesse caso, o segredo é organização. Faça uma cardápio com tudo o que deseja dar para os bebês e planeje a semana com cautela, desta forma, é possível economizar na hora de fazer mercado.

Outras compras desejadas devem ser listadas por ordem de preferência. Uma atitude simples que ajuda a evitar gastos desnecessário e deixa claro o que é mais essencial.

Os gastos mensais da família devem ser detalhados em uma tabela para ter mais consciência sobre os aspectos que podem melhorar no quesito “economia”.

Chá de bebê

Montar um chá de bebê é outra tática que pode te ajudar a economizar para poupar dinheiro para saúde e educação.

Prepare uma lista de presentes com muitas fraldas e outros gastos frequentes que terá depois do nascimento dos nenéns. É normal que as pessoas queiram presentear gêmeos com roupas iguais, mas isto pode não ser economicamente interessante. Considere pedir roupas que combinam entre si. Gêmeos não precisam se vestir sempre iguais, o guarda-roupa deles parecerá maior caso exista variedade de itens.

Depois que tiver todos os presentes em mãos, saia para comprar o que ainda está faltando na lista de necessidades.

Organizando as fraldas

Estima-se que cada criança gasta, em média, R$5 mil reais com fraldas em até dois anos e meio. Então dá para imaginar que a quantidade de fraldas será extremamente alta, não é mesmo?

Organize as fraldas de modo que facilite a rotina, pois, principalmente nos primeiros meses, a troca acontecerá muitas vezes por dia. Como o tempo de uma mãe é corrido, só de ter esse item organizado já facilita demais o dia a dia.

Você pode organizá-las de diversas formas: com uma gaveta funda exclusiva para fraldas, em um armário que não exija esforço para alcançá-las ou em cima do trocador.

gemeos_fraldas

Confira uma seleção de fraldas disponíveis no Mercado Livre

Itens para ajudar na rotina

O mercado desenvolveu itens que ajudam e muito na rotina de cuidados com filhos gêmeos. O principal deles é o carrinho de bebê duplo, porque andar com dois bebês no colo ao mesmo tempo é um desafio e tanto. O cadeirão duplo também facilita na hora de dar comida para as duas crianças ao mesmo tempo.

gemeos_carrinho

Confira uma seleção de carrinhos de bebês para gêmeos disponíveis no Mercado Livre

Mudanças na casa

Não se preocupe, não será necessário fazer muitas mudanças na casa por conta dos gêmeos. A única diferença é que agora você vai precisar de dois berços ao invés de um. Caso o espaço seja muito pequeno para isso, não há problema. Até os três meses de idade você pode deixar os dois dormindo no mesmo berço. Inclusive, isso traz até benefícios: ajuda na adaptação do ambiente, regulação da temperatura do corpo e do ciclo do sono.

Se os gêmeos forem uma menina e um menino, pense em uma decoração básica e acrescente detalhes nas cores que desejar em cima de cada berço.

Quanto ao carro da família, pode ser que precise comprar um modelo maior, afinal, duas cadeirinhas de segurança no banco de trás ocupam bastante espaço. Dependendo do carro, não comporta os dois com conforto.

gemeos_berço

Encontre o berço perfeito para os seus bebês

E o parto?

Outra dúvida frequente entre as mamães de filhos gêmeos é quanto ao parto: será que pode ser normal, ou preciso fazer cesariana?

Se os bebês estiverem em posição apropriada, é possível fazer um parto normal com grande taxa de sucesso. O primeiro bebê precisa estar com a cabeça para baixo e o segundo não pode ser muito maior do que o primeiro.

Rotina nova

Compartilhar suas experiências com outras mães é muito bom, mas não caia no erro de se comparar com elas o tempo todo. É importante lembrar que cada família passa por uma realidade, por isso, o que aconteceu com uma amiga nem sempre vai acontecer com você.

Para que a nova rotina consiga funcionar bem, siga algumas dicas de organização:

  • Distribua as tarefas entre o casal ou cuidadores;
  • Estabeleça novos hábitos para descansar durante os finais de semana;
  • Aceite ajuda de familiares e amigos;
  • Tenha uma rotina diária com horários definidos para acordar, tomar banho, comer, mamar, brincar e dormir;
  • Anote compromissos e medicações em local de fácil acesso para evitar esquecimentos;
  • Controle o tempo de sono: deixe-os acordados durante o dia, para conseguirem descansar de noite. O ideal é programar dois cochilos diurnos.

A rotina de cuidar de bebês gêmeos é muito corrida, mas cheia de recompensas. Ao entrar em contato com seus filhos pela primeira vez, você vai entender que as experiências são em dobro, e as alegrias também.

Ainda não faz parte do Mercado Livre? Cadastre-se!