Ideias de móveis para pequenos espaços

Quem disse que um apartamento pequeno não pode ser cheio de charme? Reunimos algumas dicas e truques de decoração para deixar os ambientes menores mais aconchegantes e funcionais.

O conceito de apartamento compacto sempre esteve presente nas grandes metrópoles, porém, com um dia a dia mais agitado, os imóveis pequenos têm ganhado o coração de quem busca uma rotina mais fácil e prática.

Com um pouco de criatividade e escolhas acertadas, é possível criar espaços harmônicos e funcionais, que representem a personalidade de quem vive ali.

Ideias de móveis para pequenos espaços

A primeira dica para aproveitar os espaços é ter todas as medidas corretas. Se você não tem a planta do seu apartamento, é hora de arregaçar as mangas e medi-lo. Uma trena, um lápis, um papel e uma boa dose de paciência serão seus melhores amigos nesse processo.

Faça uma lista dos móveis e eletrodomésticos indispensáveis para sua casa, por exemplo: cama, armário, sofá, mesa, geladeira, fogão, televisão etc.

Para finalizar, pense nas cores e no estilo de decoração que quer usar e mãos à obra!

Móveis retráteis

Economizar espaço é menos desafiador do que parece. Graças a grande oferta de móveis retráteis no mercado é possível aproveitar melhor os ambientes, facilitando a circulação das pessoas quando fechados.

móveis retráteis

Confira uma seleção de painéis de TV articulados no Mercado Livre

Entre as opções de móveis retráteis indicadas para pequenos espaços estão mesas e bancos de abrir; mesas de jantar que se fixam na parede; painéis de TV flexíveis; camas que, ao levantar o estrado, viram estante ou mesclam-se à parede etc.

Móveis multifuncionais

Além de proporcionar um ar moderno ao ambiente, os móveis multifuncionais oferecem mais praticidade para o dia a dia. Você pode escolher os feitos sob medida ou encontrá-los em lojas de decoração e grandes redes.

móveis multifuncionais

Veja uma seleção de mesas de centro com nicho no Mercado Livre

Quando o assunto é otimizar espaço, as opções são muitas: sofás ou camas com baú, beliches que acomodam uma mesa de estudos na parte de baixo, mesas de centro com nichos que funcionam como revisteiro, entre outras.

Ambientes integrados

Com imóveis cada vez menores, nem sempre é possível ter os ambientes divididos com paredes. A dica é apostar na integração desses locais marcando as separações de formas sutis, por exemplo, trocando o piso ou a cor da parede.

ambientes integrados

Veja uma seleção de divisórias no Mercado Livre

Você também pode marcar a transição de espaços com balcões, “meias paredes” ou divisórias de vidro, dando um ar moderno e a sensação de uma área maior para ambos os cômodos.

Cores claras

As cores claras dão uma sensação de amplitude, deixando a impressão que os ambientes são maiores. Mas lembre-se: as cores claras vão muito além do branco convencional e usar tons mais escuros em móveis e objetos de decoração não está proibido.

cores claras

Conheça a loja Tintas MC

A ideia é “aumentar o espaço” usando tons claros e pastel nas paredes e nos móveis maiores – painéis, estantes, sofás e armários. Para fazer um contraponto e dar vida à decoração, os tons escuros ou mais vivos ficam para os detalhes como quadros, almofadas e gavetas, por exemplo.

Espelhos

Os espelhos são o grande truque dos arquitetos, pois são capazes de “duplicar” a profundidade de um ambiente a partir do seu reflexo, além de trazer mais leveza e suavidade para a decoração.

espelhos

Confira uma seleção de espelhos no Mercado Livre

Você pode usá-lo em uma parede inteira, na vertical, na horizontal, fixo ou apoiado. Entretanto, o mais importante é deixá-los sempre limpinhos, pois serão um ponto de referência e atração da casa.

Para finalizar, podemos resumir todas as dicas em criatividade. Procure olhar para o espaço e suas necessidades pensando em alternativas não óbvias. Não esqueça: imprimir sua personalidade a um ambiente tem que ser um processo prazeroso e divertido acima de tudo.

Ainda não faz parte do Mercado Livre? Cadastre-se!